fbpx

Google Imagens: 6 coisas que você não sabia sobre pesquisar fotos

O Google Imagens apresenta recursos que são pouco conhecidos pelos usuários e que são bastante úteis  ao utilizar a ferramenta. O Google possui um serviço de pesquisas que dá a  permissão para que o usuário utilize filtros para achar  as  fotos melhores, retira as imagens inadequadas dos resultados de pesquisa reconhece os comandos usados nas pesquisas pelos links otimizados para a busca.

Continue lendo este artigo e veja 6 coisas que você não sabia sobre pesquisar fotos no Google Imagens,

1. É possível fazer buscas reversas com as fotos

Este serviço para criar pesquisas foi inventado no ano de 2011, e ele autoriza  os usuários a utilizarem imagens para encontrar  fotos bastante parecidas. Para que  isso aconteça , arraste as  imagens para o campo de pesquisa dos motores de buscas para que seja encontrado fotos parecidas, os sites que possuem aquela imagem ou em outros tamanhos existentes. Também é muito possível fazer esta pesquisa utilizando a URL da imagem ou fazendo o envio de arquivos que estão armazenados em seu PC.

2. Filtros para fazer buscas avançadas das imagens

O Google Imagens autoriza  o usuário a utilizar filtros para definir a pesquisa das fotos. Acesse a aba Ferramentas, é  procure as imagens de um tamanho determinado, tipo, cor, e os horários das publicações. Os resultados de busca são atualizados na mesma hora após escolher as opções e eles  surgem na tela de busca.

Além desta  importante alternativa, as seções de Pesquisas avançadas, estão disponíveis no menu superior, mas escondido no botão  Configurações, ele oferece importantes possibilidades para refinamento, em detalhes. O usuário determina as palavras, expressões e frases  exatas para a busca, escolha uma proporção da sua imagem, a localização onde foi feita a publicação e o site de hospedagem.

3- Os Comandos do Google funciona no Imagens

O Google apresenta alguns comandos que fazem a pesquisa ficar bem fácil, como o  uso de aspas para pesquisar  termos específicos, por exemplo. Esses  códigos são muito conhecidos, mas os outros, são igualmente essenciais, com pouca utilização nas buscas. Estes códigos  funcionam bem no Google Imagens, e tornam a pesquisa por fotos muito mais fácil, exibe os resultados objetivos.

Faça um teste,  digite o termo “site:nome do site” e visualize somente as imagens que foram publicadas na página especifica. E use este comando “filetype:GIF” e busque os resultados neste  formato único de arquivo.

4. Tenha muito cuidado com os direitos autorais

Os arquivos que são encontrados no Google Imagens podem haver direitos autorais proibindo o seu uso e as reproduções sem a autorização dos autores. O buscador  alerta aos usuários  que os conteúdo do site são protegidos, sendo exibido na frase “As imagens  estão sujeitas a direitos autorais” isto aparece  para cada imagem. Entretanto, sempre que possível use pesquisas para as imagens que são livres dos direitos autorais clicando o botão “Direitos de uso”, que está localizado na seção  “Ferramentas”. O usuário pode escolher  visualizar as fotos liberadas para modificar ou  reutilizar  para fins comerciais, ou não.

5. Use filtros para evitar  imagens impróprias

O Google Imagens usa um recurso chamado SafeSearch, bastante ideal utilizado por crianças ou no trabalho . A sua função autoriza ativar filtros que remove os conteúdos explícitos encontrados pelos resultados, pois esconde as imagens pornográficas da sua tela, por exemplo. O Google faz uma ótima explicação  a medida é bastante útil pois  exibe  resultados relevantes para as pesquisas do usuário, e entre todos estes itens  estão imagens impróprias. O SafeSearch sendo ativado á direita da tela do Google Imagens.

6. Possui grande integração usando o Google Lens

No ano de  2019, o Google Imagens para dispositivos móveis  juntado com o Google Lens. Acionando o botão, o Google autoriza escanear fotos que são encontradas no Google Imagens para que o Lens faça a identificação dos objetos presentes nas imagens. E reconheça os objetos como móveis  camisas estampadas ou os itens decorados, por exemplo,  busca informações sobre eles usando o Google, utilizando um link para uma loja online onde os produtos estão à venda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *